PROJETO INTERCEPTOR TIÊTE - ITI 2

São Paulo - SP - Brasil

Atualmente, a SABESP é a responsável pelo fornecimento de água, coleta e tratamento de esgotos de 364 municípios do Estado de São Paulo. São 28,2 milhões de pessoas abastecidas com água e 22,1 milhões de pessoas com coleta de esgotos. Portanto, é considerada uma das maiores empresas de saneamento do mundo em população atendida. Em parceria com empresas privadas, a Sabesp ainda realiza serviços de consultoria no Panamá e em Honduras. Além dos serviços de saneamento básico, a Sabesp está habilitada a atuar nos mercados de drenagem, limpeza urbana, manejo de resíduos sólidos e energia. A missão da Sabesp é "prestar serviços de saneamento, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida e do meio ambiente''. Visa ser reconhecida como empresa que universalizou os serviços de saneamento em sua área de atuação, de forma sustentável e competitiva, com excelência no atendimento ao cliente.

O Projeto Tietê é um programa de saúde pública e ampliação do tratamento de esgoto. O trecho 2 do projeto interceptor foi traçado em meados dos anos 2000 às margens do Rio Tietê, em São Paulo. A obra de interligação com a rede existente não havia sido concluída até então. Após o Memorial Descritivo, a SABESP realizou a licitação das obras no início de 2020, tendo o Consórcio Interceptor Tietê como ganhador. Em seguida, a MC firmou a parceria com a Enpasa Engenharia Pavimentação e Saneamento, para o fornecimento das resinas MC-Injekt 2133 - Espuma de poliuretano mono componente e hidro ativada para injeção e tamponamento provisório de infiltrações e o MC-Injekt 2300 NV - resina de poliuretano flexível para selamento de trincas por injeção.

PROJETO INTERCEPTOR TIÊTE - ITI 2

© MC-Bauchemie 2022


Os produtos de injeção da MC estão sendo utilizados para selar as juntas das aduelas da galeria, evitando assim infiltrações, vazamento de esgoto e consequente contaminação do solo, carreamento de materiais, desestabilização da galeria o que poderia causar o afundamento e interdição das vias de circulação, como a Marginal Tietê, por exemplo.     

Uma das grandes preocupações do cliente, era que a obra acontecesse de maneira rápida, com produtos de injeção duradouros e de alto desempenho. Além de, ter uma empresa que desse todo o suporte e segurança para realização do serviço, com a menor interferência possível no trânsito local, evitando que ocorressem infiltrações acentuadas e sanando totalmente os problemas mais críticos.

O projeto contempla o tratamento das juntas da galeria de dois trechos:

Galeria com diâmetro de 1,5m, com 2.500m de extensão;

Galeria com diâmetro de 1,2m, com 3.000m de extensão.

Com uma estimativa média de 60.000 metros lineares de juntas, entre juntas transversais e longitudinais, foram utilizados 29.000 litros da resina MC-Injekt 2300 NV e 37.000 litros da MC-Injekt 2133, fornecidos em embalagens padrão e também em IBCs*.

A especificação contou com o grande suporte da equipe MC, que operou com maestria junto a SABESP. Contando com o apoio inicial do Jozenias Vale - Head of Sales da MC. Felipe Machado, Consultor de Vendas e Suporte ao cliente. Equipe Técnica de Suporte e Capacitação, Fábio Reimberg, William Mititaka e o Gerente de Produtos da MC - Lucas Lisboa. 

O projeto teve início em Fevereiro de 2020 e tem como previsão de entrega, Dezembro de 2021. 
 
*IBC: São containers IBC (Intermediate Bulk Container), reservatórios multiuso utilizados principalmente pelas indústrias para o armazenamento e transporte de mercadorias a granel. A tradução de IBC para o português é, Contentor Intermediário para Mercadorias a Granel.

abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123