Saiba como o teste de estanqueidade da impermeabilização deve ser feito

Feb 07, 2020

Teste de Estanqueidade

A impermeabilização é um ponto importante para qualquer edificação. Além de evitar infiltrações, corrosão de armadura e umidade ascendente ocorram, ela também colabora na durabilidade da estrutura e para o bem-estar de frequentadores e usuários ao impedir o surgimento de fungos e bactérias, que podem ser prejudiciais à saúde. Mas além de ter um projeto de impermeabilização e contar com materiais de qualidade, é necessário que o teste de estanqueidade seja realizado para avaliar a eficácia da execução do sistema.

 

De acordo com a NBR 9574 - Execução de Impermeabilização, esse teste é obrigatório e deve ser executado após o término da aplicação dos impermeabilizantes.


Por que o teste de estanqueidade é importante?
 

Falhas em impermeabilização são graves, como já falamos acima. E quanto mais tardia for a identificação desses problemas, mais trabalhosas e custosas serão os reparos do sistema impermeabilizante.

 

A segurança também é uma questão que precisa ser levada em conta. Afinal, infiltrações podem afetar a estrutura do edifício e diminuir sua vida útil.

 

Esses motivos fazem com que o teste de estanqueidade seja extremamente necessário. Nele, qualquer falha no sistema recém aplicado pode ser identificada antes da finalização da obra. Desse modo, possíveis reparos e reforços no sistema de impermeabilização podem ser realizados de forma menos invasiva e mais rápida.

  
 
 
 
 
 
 

Como o teste de estanqueidade deve ser feito?

 

A NBR 9574 indica que, após a cura total do sistema de impermeabilização aplicado, o local deve ser preparado para receber uma quantidade de água compatível com a cota máxima a ser alocada. Podemos usar como exemplo uma piscina: quando os impermeabilizantes próprios para a área estiverem totalmente secos, a piscina deve ser cheia até o limite.

 

De acordo com a norma, a água precisa permanecer nesta condição por 72 horas. Após esse período, uma análise deve ser feita para constatar se o nível da água não baixou consideravelmente. Aqui é preciso ter atenção e considerar que é normal que uma pequena parcela de água evapore e influencie no nível de água.

 

Mas se o nível de água abaixar de maneira considerável, é provável que existam infiltrações através de falhas na impermeabilização. É neste momento que o responsável pela aplicação precisa ser acionado para que as falhas sejam mapeadas e os reparos sejam executados antes das próximas etapas do sistema de revestimento.

 

Se o teste de estanqueidade ocorrer sem nenhuma alteração, a água pode ser removida normalmente e as próximas etapas, como a aplicação de revestimentos, podem ser executadas.

 

Obtenha o suporte necessário com a MC

 

A MC-Bauchemie é uma multinacional alemã. Com quase 60 anos de experiência, temos como principal objetivo proporcionar soluções concretas para todos os nossos consumidores.

 

Por isso, você pode entrar em contato conosco sempre que necessário para esclarecer dúvidas sobre o teste de estanqueidade e outros assuntos pertinentes. Estamos disponíveis para oferecer suporte integral durante a fase de planejamento e no decorrer das obras.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123 abs 123